Importante!

A manutenção desta página é independente de qualquer instituição conscienciológica.

NÃO ACREDITE EM NADA!
Nem mesmo no que está postado nesta página de internet.
A intenção desta página é relatar debates das tertúlias, e não relatar verdades absolutas.
Questione e pondere tudo com racionalidade.

Tenha suas próprias experiências!


Encerramento das Atividades

Precisei parar com o blog. Mais informações neste post.

Updates deste Site

sábado, 18 de abril de 2009

*1175. Autoparapsiquismo Avançado - Sexta-feira, 18 de Abril de 2009



**************************************************************************

O texto a seguir não constitui transcrição das palavras do professor Waldo.

Por favor, para saber o conteúdo exato das tertúlias, vejam o vídeo ou ouçam o arquivo de audio no site www.tertuliaconscienciologia.org.

Essas anotações são pontos que eu anotei e que estão sujeitos à minha interpretação.

**************************************************************************


***Legenda***
PW: resposta do Professor Waldo;
INT: pergunta da internet;
PES: pergunta de pessoa presente na tertúlia;
(*....): algum comentário meu;
*#h##m: tempo transcorrido em horas e minutos desde o início da transmissão ou arquivo de vídeo;
*Break: dei um break (intervalo) porque fui fazer alguma coisa ou aconteceu corte na minha recepção do vídeo;
Negrito:
Epígrafe do parágrafo a seguir ou uma parte do texto que eu achei interessante marcar para chamar a atenção
  1. Precognição. Eu estava com o meu motorista e um dia estávamos andando na avenida atlântica (?) e daí eu ouvi direitinho o amparador falando para eu mandar diminuir a velocidade do carro, e eu chamei pelo nome o motorista e pedi para diminuir um pouco a velocidade.
    1. Daí há pouco vem um cara de motoca e cai na nossa frente, e ele freiou assim, há uns 40cm do rapaz. Ele foi depois atendido, cheio de esoriações lá.
    2. Esse meu motorista depois saíu, não aguentou, porque ficou com medo de mim depois dessa. Ele era um que adorava debater política internacional comigo, debatia de tudo.
    3. Amparador não pode mandar respirar direita e esquerda, tem limite para tudo isso e também não pode fazer o estupro evolutivo.
  1. Serenão. Um serenão pode saber cura para tudo, para cancer, e um monte de coisas. E eu já vi cara curar o cancer do outro na hora... Então por quê não curam todo mundo?
    1. A doença é uma benção. Às vezes ela vem para evitar uma coisa muito pior lá na frente.
  1. Equilíbrio. A rigor, a pessoa só desenvolve o parapsiquismo quando ela tem algum equilíbrio emocional, senão ela vai começar a ver o processo parapsíquico e se estoura toda.
    1. A emoção influi na energia e pode piorar todas as coisas.
    2. Tem muita gente também que fica doida com o monoideísmo delas, com os pensamentos.
    3. Nós somos complicadinhos, muito sofisticados, com 4 veículos. Isso é terrível.
  1. Competência. Uma pessoa inpeta, incompetente, que não sabe fazer assistência, vai tentar ajudar e piora.
    1. Tudo tem técnica, até sexo.
  1. Sofisticação. A comida nossa dietética tem técnica. Nós não somos mais que nem bicho e cachorro que come qualquer coisa.
    1. A vida é assim em tudo, não só na sofisticação. Se eu for na livraria e pegar uns livros vai ter um monte de vocês que não querer ler eles, porque o tema do livro não interessa.
    2. Eu mesmo em casa arranjava sempre problema com as coisas e falava que elas não serviam por causa disso e ficava achando defeitos nelas.
  1. Jejunos. Às vezes a pessoa vai no acoplamentarium e vê pela primeira vez o espírito santo de orelha e fica impressionada.
    1. Tem gente que vai no laboratório e a pessoa tem fenômeno e vai embora, fica toda empatetada, começa a gaguejar porque viu as coisas mais sérias dentro do laboratório e afetou ele.
    2. Ele queria ficar num lugar sem ninguém olhando e aconteceu alguma coisa que fez ele ir embora. Esse cara fez só um laboratório. E foi o de pensenologia. Esse não podemos indicar como sendo o de primeira vez para qualquer pessoa não...
  1. Avanço. A primeira coisa para quem não tem parapsiquismo, é dominar o estado vibracional. A primeira coisa para ajudar com isso é fazer os nossos laboratórios, e também os cursos, as dinâmicas... E vir aqui perguntar quando não souber, que sempre a pergunta de um vai ajudar a outra.
  2. Para-reuniões. Tem gente aqui na CCCI que tem feito para-reunião e tem gente que tem participado. É que a pessoa começou a desenvolver e já fala menos, porque entrou e daí começou a levar a coisa mais a sério. E no começo tem até gente com medo de falar alguma coisa.
    1. É o processo da amplitude da cosmovisão do povo, que precisa muito, e uma noção mais justa da interassistencialidade avançada.
    2. Outra coisa séria que eu tenho falado aqui é a dispersividade. Tem gente com 10 funções diferentes. Isso é indefensável. Tem que ver onde ela é melhor, com mais potencial e motivação para produzir mais.
    3. Os amparadores também se manifestam nas reuniões de vocês aqui, e vêm através das inspirações. Por isso tem que fazer o EV e procurar ser receptivo.
    4. E aqui no tertuliarium também tem isso. Não adianta eu pegar e transmitir a mensagem para a pessoa. Eles querem ir nela para ajudar ela. Eu vejo tudo, mas interferir nisso ia ser um trabalho ocioso.
  1. Rosa dos Ventos. Olha se a nossa amiga lá em Natal, a Rosa dos Ventos (serenona), não está melhorando o processo parageográfico, e como eles estão conseguindo fazer as coisas rápido.
    1. Aqui em Foz não é só a Interlúdio não. Tem também as ICs, e às vezes eu vejo alguma consciex dependendo do dia, ligada a alguma IC, tentando articular certa coisa.
    2. Às vezes quando aparece alguma consciex da Intercampi lá do RN e vem aqui, porque é algum assunto ligado.
    3. Quem domina mais aqui a parageografia é a Rosegarden.
    4. E tem o nosso amigo, que é o Espartano, que mexe com as coisas daqui e que tem uma raiz grega. Esse negócio é sério, de parageografia (?).
  1. Projeção. Vem o amparador, tira a pessoa do corpo e aumenta a lucidez dela, fala umas verdades na cara, mas a pessoa não lembra porque não tem retrocognição. Eles então vão usando filmes, objetos, pessoas, para fazer aflorar até chegar à tona a idéia, como se fosse uma gestação.
    1. A maioria, se fosse tirada do corpo e falada umas coisas aqui, ia demorar para entender o que aconteceu. A maioria ia passar pela parte bestial até fechar a boca que primeiro ia ficar com aquela boca aberta.
    2. Tem também que acabar com o medo, porque ele trava tudo, e mexe com a vida humana, por causa da tanatofobia, que é o medo de morrer, que é a tanatofobia.
  1. Gênero. Eu já tive um monte de mulheres falando as coisas na minha frente que eu nem pedi. Tem muitas pessoas fora de série aí, independente do gênero ou orientação sexual.
  2. Tempo extra. Eu tive que esperar 2 gerações e então pude fazer meu bico, que foi casar e ter um filho, e também estabeleçer bem o meu pé de meia, comprar imóvel, essas coisas.
    1. Se eu fizesse as coisas antes, ia estar atirando pérolas aos porcos.
    2. Depois eu vi que estava dando certo pelas perguntas do curso, que foram melhores e mostravam que as pessoas estavam prontas para saber mais das coisas de conscienciologia.
  1. Materialismo. Livro "The End of Materialism" (http://www.amazon.com/End-Materialism-Evidence-Paranormal-Harbinger/dp/1572246456) de Charles T. Tart.
  2. Tertúlia. INT: tenho 19 anos e há dois meses vi a minha primeira tertúlia e desde então estou baixando todas. Como proceder com o conhecimento e transmitir para as pessoas da minha cidade e começar com a tenepes? PW: olha, você está querendo fazer muita coisa ao mesmo tempo e ir com calma.
    1. Primeiro é bom começar com o EV e ver se tem os nossos livros aí já na sua cidade, que não sei qual é, e daí então, falar com a Editares ou o IIPC.
  1. Remédios genéricos. Tem muita tapeação no meio disso, muito placebo. O "Tanacan" eu falei que era o bom, os ouros de gikgo biloba não dão certo.
    1. Existem os remédios "referência", que são os primeiros, depois os "genéricos", com um G grande e amarelo na frente, e uns outros que não têm o G e que são os "similares", que não são o mesmo que os "genéricos", e que não funcionam às vezes.
    2. Tem "produto combate" que são esses aí da tapeação. Está tudo errado isso. Não dá para confiar nesses remédios daí. Produto combate é para combater os outros que existem.
    3. O paraíso, o vaticano, dos produtos combate é a Ciudad del Este.
    4. Agora remédios desse tipo o governo deveria ir atrás e prender as pessoas que fazem a tapeação, senão o camarada doente vai embora e morre.
    5. Com saúde não se brinca. Quando o laboratório segura uma patente e segura aquilo, pra mim é a pior coisa que tem. Eu já briguei por causa disso. O cara que descobre coisa que vai ajudar a humanidade, que vá passar fome debaixo de uma ponte mas que doe o que ele descobriu para todos. Isso é que é assistência.
    6. A maior coisa que eu tinha no meu consultório era uma mesa, para distribuir remédio quando as pessoas chegassem.
    7. Quando eu via que algum remédio não funcionava ou sentia que tinha algum problema, eu jogava no meu crematório, que era uma verdadeira fortaleza por causa de alguns remédios que explodiam quando pegavam fogo...
  1. Amparo. A coisa mais séria que tem é manter um contato mais direto com o amparador, para conversar e ver as coisas a qualquer momento. Eu tenho o Enumerador comigo já há muitos anos.
    1. Quando eu não sei, deixo a coisa em água morna. Agora, quando recebo uma sinalética e tenho certeza absoluta, então eu vou e faço a coisa. Agora, eu uso uma série de sinaléticas para entrar nessa perícia, senão não dá.
    2. A maioria das coisas e das pessoas, o que vai acontecer, você não fala, porque não dá para falar. Tem vezes que eu não falo nada e espero, depois acontece aquilo mesmo com a pessoa.
    3. A maior coisa que tem que ter com o parapsiquismo, além de equilíbrio é paciência da família de Jó inteira, senão vai dar com os burros n'água.
  1. Psicometria. É a alma das coisas. Se é um objeto, você entra no núcleo dele, e se é uma consciência, entra dentro do microuniverso dela (?).
    1. O que eu tinha com o EM era mais pra simbiose. Era psicossoma a psicossoma e eu só fiz isso depois de muitos anos e a gente ter se ajustado.
    2. Quando ele foi embora a gente teve até que tirar uns negócios que tinha em mim, uns tubos, que era para ele falar, que foi o que mais deu problema de desajuste para mim. Depois de tantos anos. Ele ficou comigo muitas décadas, e no fim ele não estava mais precisando de mim não.
    3. Todos os processos de irrompimento do psicossoma eu tinha mais com ele, e telepatia também.
    4. A pangrafia é o que mais permite esses fenômenos de parapsiquismo avançado.
  1. Tenepes. Quando não se faz tenepes tem que fazer sempre as coisas de trabalho com energia em horários diferentes. Não pode ser com horário fixo senão é perseguido pelos assediadores e especialmente as conseneres que vêm atrás.
  2. Amparador evoluído. Uma consciex mais evoluída, não é você que vai escolher ela, é ela que decide se vai te dar uma colher de chá.
    1. Isso acontece de cima para baixo, quando você vai ver os assistidos e as consciexes aparecem. Eu vi isso muito cedo, quando eu ia entregar o dinheiro pros outros por mando do meu pai.
    2. Essas coisas eu já vi muito, não tem como expor as coisas que eu já vi, porque cria problema. Se for falar, tem que dar uma de Nostradamus, que falava as coisas como se não fosse ele, por linhas traversas, que não resolve nada. Isso porque tinha um cara que relatava tudo dele para a inquisição.
    3. Eu, hoje em dia, quero falar tudo na cara, senão não adianta nada.
    4. Consciex mais evoluída você depois vê as interconexões, dela com você, com os outros, como pode usar os potenciais. todo mundo tem potencial. Tem sua razão.
    5. Com o passar do tempo você vai melhorando a mnemônica. Por isso que eu falo que não adianta nada a pessoa fazer isso se ela não anotar as coisas.
    6. A pessoa que está começando não consegue aguentar uma memória de lá e outra de cá. A maioria dos cérebros não estão preparados para isso.
    7. Se depois piora a memória também pega a atenção e degringola - dá alguma alteração.
    8. Muitas das pessoas que chamam de sábios idiotas são isso, que pararam no meio do processo porque não aguentaram o desenvolvimento.
  1. Intermissivo. Tinha gente que via as coisas lá e já queria ressomar correndo. então vinha o outro e falava "carma.... grupocarma..." que sem grupocarma ninguém ressoma.
  2. Estudo. A maioria das pessoas teve algum estudo nas vidas antes do intermissivo, mas o que interessa mais é o caráter.
    1. Até os artistas passaram por algum tipo de estudo em outras vidas, uns mais do que outros, mas todo mundo foi bem beneficiado.
    2. Olha esse monte de filósofos que eu trago aqui. Nenhum deles chegou no parapsiquismo ainda. Tem que ter condição, senão não dá para falar as coisas com um megafone na rua.
  1. Estudo. Tem que ter pserverança para estudar e aprender as coisas, para pegar disciplina, senão não tem jeito.
    1. Bibliografia também é necessário, com biblioteca. Sem biblioteca e mufa queimando em cima, não funciona. Nem internet funciona. Biblioteca está cheia de DVD também, coisa da informática.
    2. É um processo da culturologia, que é o X. Sem esforço nesse sentido, ninguém rompe.
    3. Eu sou tranquilo nessas coisas porque todo mundo tem que bater aí. Eu fico afobado. Se os serenões não ficam eu vou ficar? Por quê? Estou com cara de masoquista ou regressista?
  1. Imobilidade física vígil. Tem que ficar sem piscar, senão não funciona. Chega num ponto em que vai virar uma coisa como se fosse um gelo.
    1. O seu corpo está ali, mas em letargia, e daí não tem jeito de piscar.
    2. Tem que revisitar a técnica da imobilidade pelo processo muscular progressivo, e dar um jeito de ver, que tem isso no Projeciologia.
    3. Chega num ponto em que nota direitinho que a mão direita está letargica e a outra ainda não. Chega uma hora em que vê o corpo letárgico e com a maior lucidez.
    4. Eu consigo fazer isso a qualquer hora e em qualquer posição.
    5. Eu tenho 15 ou 20 minutos, deito e depois quando levanto, estou todo refeito. A letargia eu consigo entrar em 1 minuto.
    6. O primeiro que se nota é que parece que o seu corpo está entrando no colchão e o relaxe foi total, não tem como afundar mais do que isso.
    7. É imobilidade física, energética, emocional, mental, orgânica... Daí que chega na letargia.
    8. Nessa, eu sou capaz de ficar o tempo que quiser, nessa letargia. Para isso nós não temos laboratório ainda.
    9. Meu plano inicial era de fazer 40 laboratórios. Só temos 17 ainda.
    10. Não interessa o que você pensa, tem que mandar o corpo ficar quieto. Quem manda em você?
    11. Você é quem faz a cabeça ficar quieta, não é o amparador não. Quem manda na cabeça e no hálux, que é o dedão do pé, é você!
    12. Precisa ver todas as manifestações e ver o que está influenciando.
    13. Piscadela ainda é superficial, do neurovegetativo. Tem que chegar lá. Para isso, veja as técnicas da relaxação muscular progressiva.
    14. Emagrecimento com a mesma alimentação tem que ser por algum processo gastrointestinal se não for por exercício.
  1. Computador. Eu estou trabalhando de madrugada, de manhã e de tarde no computador. Tem dia que é uma loucura. Tem dia que eu durmo 40 minutos depois da tertúlia e vou trabalhar.
    1. Tem dia que de noite, madrugada, eu trabalho 3 ou 4 horas. Trabalho de mentalsoma é o que mais gasta energia.
  1. Emagrecimendo. PES: teve uma vez que eu me pesei antes da IFV e depois, e tinha meio quilo a menos. PW: tem que se pesar na balança dia sim e dia não, senão vai ficar maluca.
  2. Terceira dessoma. Depois do descarte do psicossoma a gente não sabe o que acontece. Tudo indica que é um outro curso. Se você souber alguma coisa aí pode nos mandar que recebemos com todo carinho.
  3. Transmentor. Ele é um amparador meu de muito tempo, mas muito tempo mesmo. Dos orientadores evolutivos ele é o mais chegado meu aí.
  4. Serenologia. Para chegar lá eu desejo a vocês que demorem só alguns séculos, mas no meu caso eu acho que preciso de alguns milênios, que o meu caso é muito sério.
  5. Memória. Para desenvolver melhor a memória tem que estudar, estudar e estudar. Qualquer coisa venha aqui na nossa holoteca.
  6. Buda. O cara era materialista, não era espiritalista. Ele arranjou 8 modos da pessoa viver bem aqui, e se tivesse alguma coisa depois ela ia se virar.
    1. Agora, ele não arranjou nenhuma religião não - as pessoas depois é que invetaram isso.
    2. Essas religiões e monjes também são coisas comerciais que inventaram depois em cima dele aí. Ele não tem nada a ver com isso não.
  1. Esvaziar a mente. É a pessoa que procura limpar. A meditação transcendental pode ser boa com pensamento positivo.
    1. Agora, para fugir de si mesma é besteira. Tem é que preencher a mente de pensenes úteis, que é o que falta por aí afora.
    2. Temos é que trabalhar em função dos outros.
    3. Quando vai esvaziar a mente parece a pessoa que entrou para seminário.
    4. Primeira mensagem que eu recebi foi para que o meu lema fosse "suar sangue". Eu custei para entender isso.
  1. Princípio da descrença. Papel aceita tudo. Tem que criticar e desancar com tudo!
  2. Retrocognição. Pessoa que eu encontro e que conheço de outra vida tem que ver se dá para falar as coisas ou não. Tem que fazer um convívio harmônico e apalpar para ver como está a situação.
    1. Tem que ver como vai falar, com que testemunhas, a palavra, o jeito. Eu escolho tudo, mas tem vezes que o amparador fala para descascar, e daí a gente fala tudo.
    2. A maioria desses casos de descascar dão certo, mas às vezes melhora.
    3. Às vezes a pessoa não entenda nada. Eu até falo que já sou um cara velho e careca, para ponderar o que estou falando que eu posso estar ficando gagá e ela ser a primeira a ver isso. Dai eu falo que o que se passa é isso, isso, isso, e abro o jogo.
    4. Semana passada mesmo eu fiz isso com uma pessoa, e parece que adiantou alguma coisa.
    5. A maioria das pessoas que eu faço isso tem curso intermissivo, que daí dá para entrar pra valer. Se não tem intermissivo então tem que ir com calma, ver como é que vai falar.

2 comentários:

  1. OpA! Detalhismo Sutil: essa sexta foi dia 17...bLz?

    ResponderExcluir
  2. Hehe, foi sim! Já consertei, obrigado! :)

    ResponderExcluir

Comentem com opiniões e reflexões.